a festa arco íris

Comentários 33 Padrão

É terça-feira, o sorteio da fanpage foi realizado (corre lá pra ver se você ganhou!), as vagas para pedidos do segundo semestre já foram preenchidas, e eu ainda tenho um pedido do primeiro semestre pra finalizar, mesmo estando às vésperas das férias escolares!

Mas mesmo assim vim mostrar pra vocês uma festa bem linda, que eu fiz com a ajuda de pessoas muito queridas.

Bem, pra começar, vocês devem lembrar que eu não gosto de buffets de festas infantis, né? Ok? Ok.

Mas, se você prometeu pra uma garotinha que quando ela completasse cinco anos ela teria uma festa em buffet infantil, você cumpre, certo? Certo.

Então foi assim que aconteceu, e eu fiz uma festa num buffet.

Eu comecei a planejar essa festa com mais de cem dias de antecedência, e como tinha bastante prazo, fiz algumas encomendas no Ali Express.

Como o tema da festa, escolhido pela aniversariante, era arco íris, eu decidi fazer um painel com pompons de papel de seda, leques de papel de seda e honeycombs (aquelas esferas tipo casinhas de abelha, sabe?) de vários tamanhos, nas setecores do arco íris. Em função dos pedidos que assumi, que me deixaram sem tempo pra atender festas do meu círculo pessoal, eu decidi comprar esses itens prontos no Ali Express.

Mas foi uma tortura, das grandes.

Primeiro que a encomenda ficou PA-RA-DA na Receita Federal por uma pequena eternidade (chegou cinco dias antes da data da festa), e segundo porque o vendedor me enganou, me passou a perna, agiu de má fé total comigo.

Foi a primeira vez que isso aconteceu comigo no Ali Express. Eu encomendei oitenta (oitenta!!!) itens entre pompons, leques e honeycombs, de 10, 15, 20 e 30 cm, nas cores vermelho, laranja, amarelo, verde, azul claro, azul escuro e roxo. Ele enviou pra mim cinco (cinco!!!) mini lanternas japonesas de 10 cm (não pedi nenhuma lanterna) nas cores rosa, branco, roxo e laranja.

Bem, estamos em disputa no site do Ali Express, e só posso dizer que a coisa está feia, e que é de perder a fé na humanidade ver como alguém pode ser tão desonesto.

Mas voltando à festa. Quando faltavam duas semanas, eu ainda não tinha recebido a encomenda e começou a bater o desespero, porque não só eu não tinha um plano B, como eu também não tinha tempo pra criar e desenvolver nada.

Pensei em várias alternativas, plotar um painel, fazer tudo de balões (eu não sou muito fã de balões), fazer nada… enfim, eu estava perdida.

Foi quando eu me liguei que eu poderia pedir ajuda. Eu quase nunca peço ajuda, sou centralizadora e perfeccionista, por isso faço tudo sozinha, sempre. Mas naquelas circunstâncias ou eu pedia ajuda, ou me contentava com pouco, muito pouco.

Então eu parei pra pensar nas pessoas que eu contrataria, se eu não trabalhasse com isso. Quem eu chamaria pra decorar minhas festas? E minha casa?

O primeiro nome que apareceu na minha cabeça foi a Renata McCartney. Sou fãzoca do trabalho dela, de cada pedacinho de cada projeto que ela faz. Então arrisquei, mesmo encima da hora, e entrei em contato com ela.

Ela foi tão querida comigo, eu percebi na voz dela que ela queria muito me ajudar, ver a festa acontecer de um jeito legal, de um jeito que eu gostasse, e mais importante, de um jeito que a aniversariante se encantasse.

E foi assim que, mesmo não podendo me ajudar por ter outros projetos já assumidos, ela me indicou a Juliana Choma, que trabalha com ela, pra me ajudar com alguma coisa assim, meio improvisada, já que tínhamos pouco tempo.

Marquei uma reunião com a Juh, no buffet, e nossa, outra querida.

Ela é completamente apaixonada por essas craftices, estuda cenografia e é daquelas pessoas que tem ideias legais, sabe? Nossa, como eu fiquei feliz por ter pedido ajuda! As ideias da Juh chegaram e foram refinando as minhas ideias. A gente foi conversando e parecia que tudo o que eu pensava, ela pensava mais bonito. Foi muito legal.

Depois da conversa e de alguns emails, nós concordamos que ela faria uma tonelada de pompons, pra serem nuvens, e um arco íris de pequenas flores de papel. E bem, a gente não se falou mais, eu corri pra preparar algumas coisas com o tempo que tinha e só falei com a Juh de novo no dia da festa, e gente, como eu fiquei feliz quando vi o resultado do trabalho dela! :)

Pra quem estava pensando em plotar uma imagem em PVC, no auge do desespero, ter um trabalho tão bonito, feito à mão com tanto carinho, ah, foi muita alegria.

Então agora, que eu já contei todo o drama, e já apresentei a incrível Juh, eu posso mostrar a festa pra vocês. ;)

Mas antes de mostrar tudo pronto, eu vou mostrar alguns detalhes, só pra aumentar o suspense (mentira, é porque eu adoro os detalhes).

Raibow 001Esses pomponzinhos de lã foram usados num varalzinho e também em um arquinho para a aniversariante.

Raibow 003

Raibow 008 Também fiz mini bandeirinhas pra colocar em cupcakes, docinhos e afins.

Raibow 016

Raibow 017E um cake topper, também de bandeirinhas.

Raibow 015Também fiz tags para alguns centros de mesa:

Raibow 011

Raibow 012

Raibow 014

Raibow 013E tags para garrafinhas, que também foram centros de mesa:

Raibow 018

Raibow 019

Raibow 020E pintei grampos de roupas, pro varal de fotos:

Raibow 009Como lembrancinhas, eu comprei chicletes coloridos de bolinha, no Mercado Livre, que decidi colocar dentro de tubetes. Comprei 500 chicletes, pra ter certeza que ia ter todas as cores do arco íris em cada tubete, mas o vendedor também me mandou errado, e vieram menos de 200 chicletes coloridos, e mais de 300 chicletes de olhos sanguinolentos. Tô bem de compras online, né?

Raibow 006Bem, a solução foi algumas crianças ganharem chicletes e outras pirulitos coloridos.

Além disso, pedi ajuda para a queridona Leticia Pereira, da Catavento Mimos e Lembrancinhas , que fez pra mim caderninhos de colorir e lápis de cor personalizados.

Raibow 004

Raibow 007

Raibow 005E olha só, vou mostrar mais um detalhe, porque achei muito legal o presente que a aniversariante ganhou:

Raibow 002Uma caixa cheia de peças de bijouterias, em todas as cores do arco íris além de muito rosa! Um presente bem diferente e criativo pra garotinhas a partir de 5 anos, né?

E ela aproveitou e fez duas pulseiras pra usar na sua festa:

Raibow 010

Raibow 021Muito bem, muito bem, então agora vamos ver tudo montadinho?

rainbow080O que eu mais gosto dessa festa, é que mesmo ela sendo num buffet, ela não é uma super produção, ela tem jeito e carinho de feito à mão, que era exatamente o que eu queria.

Raibow 029

Raibow 034Os balões gigantes comprei do mesmo fornecedor que já citei no post da festa dos monstrinhos, e eles foram presos em caixotes de madeira, gentilmente cedidos pela Juh, e decorados com mosquitinhos brancos.

Raibow 046

Raibow 032O varalzinho de pompons ficou no quadro negro, que a Renata emprestou pra gente usar na festa. :)

Raibow 038

Raibow 054

Raibow 026Os dois vasos com mosquitinhos brancos, que ficaram nas laterais, eu decorei com fitas de cetim.

Raibow 056

Raibow 055E na base espalhei confetes de papel de seda nas cores do arco íris.

Raibow 060

Raibow 058Todos os pompons e o arco íris de mini flores de papel foram feitos pela Juh, como já expliquei no texto  lá encima.

Raibow 059

Raibow 042Quanto mais de perto a gente olha, mais bonito ele fica. :)

Raibow 023Uma “chuva” de corações, que caía das nuvens de pompom do topo, dava o toque cor de rosa, que a pequena aniversariante adora.

Raibow 057

Raibow 022O bolo foi fornecido pelo próprio buffet, que atendeu direitinho o meu pedido, mesmo achando um tanto estranho um bolo tão simples. :)

Raibow 027

Raibow 051

Raibow 061Os cupcakes e cakepops foram obra da querida Lívia, da Dellicato Cupcakes, que mais uma vez só recebeu elogios pelas suas delícias.

Raibow 035Eu esqueci de tirar foto de um deles cortadinhos, mas a massa tinha todas as cores do arco íris, muito linda! :)

Raibow 052

Raibow 037Cakepops coloridos e muito saborosos.

Raibow 053Um varalzinho de fotos mostrava a carinha da aniversariante, do nascimento aos cinco anos.

Raibow 049

Raibow 028

Raibow 047E os vasinhos com as tags e as garrafinhas com mosquitinhos brancos se revezavam como centros de mesa.

Raibow 025

Raibow 024Preciso dizer que esses confetes não ficaram aí por muito tempo? A criançada fez o maior carnaval jogando tudo pro alto! :)

Raibow 048E bem, foi assim a festa arco íris, minha primeira festa em buffet infantil.

Apesar de ter conseguido deixar a decoração mais simples e de ter sido super bem atendida eu não troco uma festinha em casa por uma festa em buffet não, viu?

Por isso espero que as próximas festas que aparecerem em meu caminho sejam mais simples e mais íntimas, do jeitinho que eu gosto. :)

Eu já agradeci muito a todas essas pessoas queridas que me ajudaram a fazer tudo isso acontecer, mesmo de última hora, mas acho que o jeito mais legal de devolver esse carinho é indicando os serviços delas, que foram impecáveis:

Juliana Choma  – decoração de festas e cenografia

Renata McCartney – decoração, arte e design

Catavento – lembrancinhas

Dellicato – cupcakes e cakepops

Buffet 1, 2, 3 e Já – buffet para festas infantis

Obrigada por tudo meninas, o brilhinho no olhar da aniversariante disse tudo!

***

E logo eu volto pra falar sobre o Dia do Carimbo, um dia que vou reservar uma vez ao mês (espero que consiga, né?) para atender exclusivamente a pedidos de carimbinhos fofos, e pra mostrar como ficaram as últimas três encomendas do semestre pra vocês.

Lahna :)

a festa dos monstrinhos

Comentários 44 Padrão

Eu conheço um monstrinho muito legal, que completou 3 anos poucos dias atrás.

E fiz uma festa bem colorida e monstruosamente fofa pra comemorar seu aniversário.

Essa festa não foi uma encomenda, e, como tive pouco tempo pra fazê-la em meio aos projetos que aceitei para o semestre, acabei optando por fazer as peças de papel impressas.

Eu não costumo fazer assim, os meus trabalhos geralmente não tem nada impresso, e quando tem, é só o mínimo necessário. Prefiro que seja tudo montado e construído através de recortes, acho que fica mais charmoso e artesanal, e é justamente por isso que consigo atender menos pedidos e que meu preço é mais alto que o de muitos outros profissionais.

Mas enfim, por praticidade acabei fazendo essa opção, e achei que ficou bem bacana, mesmo assim. :)

Muitas das ideias eu encontrei no Pinterest, em diversas festas de monstro lindonas que achei por lá. Algumas outras eu copiei da minha amiga Marina, que fez uma linda festa de monstrinhos pro filhote dela, o Olavo, e outras surgiram da minha caixola mesmo.

Pra quem gostar, eu vou disponibilizar os desenhos dos monstrinhos que criei pra essa festa em um outro post, ok?

E os fornecedores e links pras coisas que eu comprei, vou colocar lá embaixo depois de todas as fotos.

Então vamos à festa dos monstrinhos!

monstrengos 001

As cores principais foram laranja, azul, vermelho e verde, mas acabei usando um pouquinho de amarelo também.

monstrengos 002

A cortina foi feita com tiras de papel crepom cortadas em larguras diferentes. Ela foi presa no teto, por trás da parede da escada, com fita crepe larga, (mas pra quem não tem essa opção tem um tutorial que a Ana postou há algum tempo atrás, usando fita dupla face).

Como o papel crepom tem apenas 2 metros de comprimento, eu fiz uma emenda de mais 60 cm em cada uma das tiras pra ira até quase o chão.

monstrengos 021

O vento deu um movimento bem legal pra essa cortina, eu achei lindão o resultado.

monstrengos 005

O banner com o nome do aniversariante eu optei por colocar em frente à mesa, pois sobre a cortina ele não ficaria legal.

monstrengos 020

monstrengos 035

Coloquei olhos em todas as letrinhas, para transformá-las em monstrinhos também. Aliás, o segredo de uma festa de monstros é esse, colocar olhos em TUDO! :)

monstrengos 036

monstrengos 037

O bolo foi um show à parte. Além de ter ficado lindo, ele também era uma delícia! Foi feito pela minha amiga Lívia, vou colocar o link dela no final do post. Os olhos do monstro-bolo são cakepops, que também estava deliciosos.

monstrengos 008

A Lívia também fez outros cakepops, que foram tão disputados pelas crianças que na hora de cantar parabéns não tinha mais nenhum. :)

monstrengos 011

Usei cachepôs de flores pra colocar os cakepops, e seguindo a regra, coloquei olhos neles também.

monstrengos 010

Para deixar os cakepops em pé, eu fiz uma base de argila que coloquei dentro do cachepô, e depois cobri com arroz, que colori com corante alimentício pra ficar mais legal.

monstrengos 013

E outra coisa linda demais foram os cupcakes de monstrinhos, que também foram feitos com muito carinho pela Lívia, todos diferentes um do outro.

monstrengos 017

Alguns com pêlos fininhos e longos, e outros com pêlos mais grossos e curtinhos, bocas, olhos, dentes e chifres, todos muito divertidos!

monstrengos 014

monstrengos 015

monstrengos 019

monstrengos 016

monstrengos 018

Nos docinhos coloquei minitags com os montrengos que desenhei, além do M e do 3.

monstrengos 026

monstrengos 025

monstrengos 024

monstrengos 023

monstrengos 022

Sem dúvida nenhuma, o que mais chamou a atenção de todos os convidados nessa festa, tanto crianças quanto adultos, foram os balões gigantes (link no final do post), que eu enchi com gás helio e decorei com olhões impressos em papel.

monstrengos 003

monstrengos 006

monstrengos 007

monstrengos 027

Na parede ao lado, o buffet com os descartáveis e outras coisinhas.

monstrengos 004

monstrengos 028

monstrengos 029

Os leques de papel coloridos (que são antigos e já foram reaproveitados várias vezes) também viraram monstrengos, ganhando seus próprios olhos.

monstrengos 045

monstrengos 058

O mesmo aconteceu com a suqueira, e com os copos de papel :)

monstrengos 046

monstrengos 047

monstrengos 048

No buffet também coloquei cakepops, e pra apoiar reutilizei latas de leite em pó, que ganharam carinhas de monstro.

monstrengos 030

monstrengos 033

Nessas aqui usei açúcar cristal tingido com corante pra sustentar os pops em pé.

monstrengos 032

Canudinhos de papel coloridos, que eu amo demais (esqueci de colocar os olhos no vasinho de vidro).

monstrengos 034

Os chapéus de festa que tinham olhos e bocas de monstro.

monstrengos 031

monstrengos 057

O outro lado do buffet ficou assim:

monstrengos 049

Alguns monstrinhos que eu fiz usando lã, olhinhos, mini pompons, pedacinhos de feltro e limpadores de cachimbo ajudavam a deixar o buffet mais assustador (ou não, né?).

monstrengos 054

monstrengos 053

monstrengos 052

Os garfinhos de madeira (link no final do post), que dessa vez já comprei estampados, também ganharam olhos.

monstrengos 050

monstrengos 051

Até os pratos ganharam olhinhos, mas só o primeiro de cada pilha, pra enfeitar até a hora do bolo. ;)

monstrengos 055

monstrengos 056

Alguns outros lugares ganharam olhos também, como a porta de entrada (que precisava de olhos maiores, mas tudo bem)…

monstrengos 080

… e o banheiro, que foi o que mais divertiu as crianças (especialmente os meninos).

monstrengos 060

O espelho também, olha só:

monstrengos 059

A mesa dos convidados também ganhou monstrinhos de lã:

monstrengos 039

monstrengos 038

monstrengos 043

monstrengos 042

monstrengos 041

monstrengos 040

E mais dois leques monstruosos de papel.

monstrengos 044

As lembrancinhas da festa foram monstrinhos de feltro para adoção. :) Vou colocar o link da artesã no final do post também. Neste cestão plástico coloquei bebidas para os convidados se servirem durante a festa.

monstrengos 061

A cadeira também era zoiúda. :)

monstrengos 063

As crianças amaram os monstrinhos! Foi um sucesso de lembrancinha!

monstrengos 062

monstrengos 064

monstrengos 065

Também fiz um cenário para fotos monstruosas, ou photobooth pros pequenos se divertirem.

monstrengos 066

Imprimi e recortei photo props, que são esses acessórios para fotos que são muito usados em casamentos, usei um arquivo de bocas de monstro que comprei na Etsy (link no final do post) e olhos que eu mesma desenhei, e deixei os props e uma câmera à disposição dos pequenos.

monstrengos 067

Eles brincaram mais com os props do que tiraram fotos, é verdade, mas o resultado foi divertido.

monstrengos 083

monstrengos 082

monstrengos 084

Outra coisa que fez muito sucesso foi a mesinha com monstros para colorir.

monstrengos 072

monstrengos 069

Tinha impresso 15 folhas e acabaram rapidinho, então imprimi mais 20, e eles coloriram todos!

monstrengos 071

No jardim, a grande atração da festa, um tobogã inflável, que é diversão garantida sempre.

monstrengos 081

monstrengos 073

Fiz uma estação de bebidas no jardim também.

monstrengos 074

Aqui, só o copinho mais de baixo de cada pilha é que tinha olhos.

monstrengos 077

monstrengos 078

As lanternas (que também foram reutilizadas muitas, muitas vezes já), também ganharam olhões, e o cestão plástico ganhou um par de zoiãos e uma boca.

monstrengos 075

monstrengos 076

E foi isso! E gente, foi muito legal!

Pena que foi um dia tão gelado, senão a festa teria se concentrado mais no jardim, mas fiquei feliz que não choveu e as crianças puderam brincar de montão.

Vamos aos links então:

Bolo, cupcakes e cakepops – Dellicato Cupcakes – Lívia.

Monstrinhos de feltro – Artes da Day

Balões gigantes – Ali Express – Edward Lou’s Store

Garfinhos de madeira decorados – Ali Express – Crafts Ribbon

Arquivo de bocas de monstros para photoprops – Etsy – Mimis Dollhouse

Vou preprar os arquivos dos monstrinhos e dos olhos pra download, ok? :) E também vou postar algumas ideias bem legais que eu não tive tempo de executar, mas que pode servir pra outra festa de monstros, né?

Uma semana monstruosa pra você!

Lahna :)

festa arvorezinhas na escola

Comentários 27 Padrão

Hoje vim mostrar a festa que fiz na escola para uma garotinha.

Resolvi usar balões de gás, que ficaram bem lindos. Ainda mais que tinha uma brisa na sala, então eles ficaram o tempo todo em movimento, bem legal.
E o principal foi que as crianças amaram, e cada uma levou seu balão pra casa depois da aula.

O kit de cada criança tinha um chapeuzinho com pompom de lã, marmitinha, suquinho, prato, talher e guardanapo e um potinho com confete de chocolate.

Os chapeuzinhos ficaram bem bonitinhos e me surpreendi que várias crianças pediram pra colocar.

As marmitinhas tinham adesivo com as arvorezinhas.

Os suquinhos foram personalizados com rótulos e fiz o fundo também das arvorezinhas. Achei que ficou tão bonito!

E o confete foi sucesso absoluto.
Mas algumas crianças não comeram o lanchinho, só o confete, então talvez o ideal seja servir depois.

Encomendamos uma nega maluca bem gostosa mas não deu tempo pra colocar os pedacinhos em cada prato antes das crianças chegarem (tivemos só 30 minutos pra arrumar tudo), então a nega ficou inteira, mas eu coloquei as tags em cada pedaço mesmo assim. Aí quanto servimos, cada pedacinho tinha uma tag.

E foi isso!

:)

festa das arvorezinhas

Comentários 119 Padrão

Esta é uma festa feita para dois irmãos, um menino e uma menina.

Me inspirei na festa de um ano da filha de uma amiga, cujo tema central foram duas arvorezinhas bem simples, com copas redondas.

E ass cores da festa foram inspiradas pelas lanternas de papel que haviam disponíveis para a decoração: verde limão, roxo e azul turquesa.

O salão é bem amplo e bem legal pra trabalhar, porque a base é bem neutra (marrom), tem muita madeira e muito vidro, que deixa o verde do bosque entrar e fazer parte da decoração.

Na mesa das lembrancinhas, que ficou bem na entrada, coloquei uma toalha verde e um vaso cheio de lisiantos roxos.

Os enfeites das mesas eram garrafinhas de Ice ou Chocomilk, enfeitadas com uma tag de papel. Dentro de cada uma, três galhos de árvores com pompons de lã nas pontas.

Ao redor das garrafinhas, joguei confetes cortados no formato das copas das quatro arvorezinhas da festa.

E também coloquei em cada mesa um cardápio.

Nas portas de vidro, pendurei grinaldas de círculos de papel.

Como o pé direito do salão é super alto em um dos lados, fiquei preocupada em parecer vazio. Então caprichei nos penduricalhos.
Muitas lanternas, muitos pompons de papel de seda e muitas bolas de lã.

Os chapeuzinhos comprei prontos e só colei o adesivinho e o pompom de lã.
Ao lado deles coloquei um vaso com pinóquios verdes.

Montei uma mesa com sucos e garrafinhas, para que as próprias crianças pudessem se servir durante a festa.

A idéia original das garrafinhas, que vi em vários blogs lindos, eram garrafas de vidro. Mas fui de garrafa de plástico mesmo. Não é tão bonito, mas é bem mais seguro.

Coloquei os nomes pra não ter confusão de troca de garrafinhas.

E tinha M&M’s pra recepcionar as crianças.

A mesa do bolo e dos doces eu achei que ficou um sonho.

Na toalha da mesa principal, eu coloquei uma grinalda de círculos de papel dobrados ao meio.

Atrás da mesa coloquei os banners e lanternas de papel.

Em cada extremidade, uma das quatro arvorezinhas do tema.

O bolo era branco, bem liso, com botões e velas coloridos pra decorar.
Ainda coloquei pompons de lã na base do prato de bolo, e achei que ficou bem legal.

E encomendei alguns cakepops, que não ficaram como eu tinha imaginado, mas que no fim das contas também fizeram sucesso entre os pequenos.

Os cupcakes ficaram lindos e gostosos.

As tags fizeram muito sucesso!

E vocês viram as tags de mesa com botões?
Eu estava com a fita banana na mão pra colar as copas de papel quando me veio a idéia de substituí-las pelos botõezinhos!
Adorei o resultado!

Os docinhos também fizeram sucesso.

E deixei por último os topiários.
Tinha guardada aqui essa idéia há muito tempo, e assim que decidi o tema, lembrei deles. São arvorezinhas perfeitas, não são?
Fiz só seis, porque eles são super trabalhosos também, mas olha só que coisas lindas

Esse é mais um tutorial que vai aparecer em breve por aqui. :)

Os troncos também são galhos.
E para arrematar o vaso, usei musgo natural.

E então, não ficou tudo lindo?

:)

pompons de lã – o destino

Comentários 3 Padrão

Hoje eu vim correndinho falar do destino final dos pompons de lã, que como vocês viram, foi a cortina do quarto lindo-lindo.

A cortina foi reaproveitada de outro quarto, ela é de algodão bem simples, só com os pontinhos em branco mesmo, e foi costurada em pregas.

Então vou mostrar rapidinho como fiz os pingentes de pompons.

O material é simples: pompons de lã, fio encerado, contas e argolas de madeira.

Pra fazer cada um dos penduricos é só pensar em quantas contas e quantos pompons você quer em cada um, e a que distância eles devem ficar uns dos outros.

E é bom planejar um pouco como intercalar as cores, pra que não fique só branco na parte de baixo da cortina ou só laranja no meio e tal.

Pra prender as contas de madeira (comprei em lojas de material para bijoux), um nozinho no fio encerado (mesma loja) já é suficiente.

Pra prender o pompom, eu fiz um super-mega-plus-hiper-nó como dá pra ver no segundo quadrinho.

Aí é preciso pegar o pompom, encontrar o fio que mantém todos os pedacinhos de lã juntinhos e passar o fio encerado perpendicularmente à amarração do pompom.

Depois de repetir isso até ter o número de contas e pompons desejado, você corta o fio encerado e amarra a ponta na argola de madeira (comprei num armarinho).

Daí é só dispor os penduricos entre as alças da cortina, como preferir e pronto! Sua cortina, que era bem apagada agora tem vários pompons coloridos pra deixa-la mais simpática!

Eu fiz 6 penduricos, sendo 3 pares.

Dois pares com 3 pompons e um par com 4 pompons, distribuídos em alturas diferentes.

Achei que o resultado ficou bem legal, e foi uma solução baratíssima, que acho que não deve ter custado 30 reais se somar todos os materiais, sério.

Beijocas.

:)