um quadrinho para a tharine

Comentários 11 Padrão

A Tharine me pediu um quadrinho pra colocar na porta do seu apê.

Um quadrinho com uma frase que – como todo mundo que lê este bloguito já sabe – eu adoro.

Home is where your heart is” ou, em tradução livre, “Lar é onde está seu coração”.

Fiquei feliz, feliz com a encomenda, mas também fiquei preocupada. Porque eu não queria que fosse só mais um quadrinho com essa frase (sim, porque tem tantos, né?).

Não queria que fosse genérico, que a Tharine pudesse ter comprado ele numa lojinha qualquer. Queria que fosse dela e da sua família.

Então eu perguntei um pouco sobre ela, o marido e a filhotinha. Perguntei sobre o estilo de vida deles, sobre o que mais gostam de fazer quando estão em casa e sobre suas paixões.

E assim eu conheci um pouco mais sobre eles, e descobri que são apaixonados pela França e por criar e recriar receitas gostosas na cozinha.

E aí pronto, a inspiração veio!

trabalhos 25No topo usei quatro raminhos de lavanda, a linda flor que cresce na região da Provence, para representar a França,  e na base usei dois galhinhos de alecrim, que é um dos temperos de mais forte personalidade da gastronomia, pra representar a paixão da família pela culinária.

trabalhos 26Foi um dos trabalhos mais complexos que fiz até hoje, primeiro pra conseguir cortar, achar a profundidade certa da lâmina, a densidade certa do papel, e segundo pra colar os galhinhos com detalhes tão pequenos com a fita de alto relevo.

trabalhos 27Mas ficou tão lindo que valeu a pena cada pedaço de papel detonado pela máquina e cada hora gasta colando micro pedacinhos de fita com a pinça. :)

trabalhos 28E como a Tharine e eu somos conterrâneas, e não precisaria enviar a encomenda pelos Correios, ela pediu que eu também colocasse a moldura no quadrinho pra ela.

E eu escolhi uma moldurinha de pátina branca, pra combinar com o clima provençal do quadro.

trabalhos 29E assim, a encomenda partiu pra deixar a porta do apê da Tharine mais feliz. :)

trabalhos 30Eu amei o resultado. Adoro quem conhece e cultiva suas paixões. É sempre muito inspirador pra mim, trabalhar com pessoas assim.

Como eu disse, eu tenho tido muita sorte até agora, com as pessoas que me contrataram. :)

E amanhã vou mostrar pra vocês a festa que fiz pra pequena Júlia. Acho que é a festa mais delicada que já fiz. Linda, linda.

Até.

Lahna :)

 

o cachorro quente “gourmet”

Comentários 20 Padrão

Então, depois da festa da galinha muita gente pediu a receita do meu cachorro quente gourmet.

Não sei se é possível classificá-lo como gourmet, mas eu o chamo assim porque eu mudei algumas coisas da receita original que eu conheci.

Eu faço isso sempre. Adoro dar um toque pessoal às receitas e quase sempre acabo gostando mais do meu jeito de fazer.

Basicamente o que eu faço é adicionar temperos diferentes (especialmente ervas frescas, que eu adoro) e trocar ingredientes comuns por uns mais legaizinhos.

E foi isso que fiz com o cachorro quente.

Então vamos à receita:

Ingredientes

Essa é a quantidade que faço para nós quatro aqui em casa (dois adultos, duas crianças), mas para a festa eu dobrei a receita.

novo06_0743

– 4 linguiças tipo calabresa fininhas

– 1/2 cebola (se tiver da roxa, fica mais gostoso)

– 1 dente de alho

– 3 ou 4 ramos de alecrim fresco

– 1 lata de tomates pelados

– 1 colher de sopa de mostarda dijon

– 1 colher de sopa de ketchup de boa qualidade

– 1 colher de sopa de manteiga

– sal e pimenta do reino moída na hora

Preparo:

Eu vou explicar bem explicadinho, para os leigos na cozinha, ok? Se você for expert, ignore os passos óbvios.

– Pique a cebola bem picadinha.

novo 06_0754

– Corte as linguiças em fatias finas

novo 06_0757

– Pique o alho bem picadinho

novo 06_0758

– Tire somente os tomates da lata e pique-os (guarde o suco na lata)

novo 06_0761

– Coloque a manteiga na panela, deixe derreter bem e ficar dourada.

novo 06_0755

– Coloque a cebola para dourar

novo 06_0756

– Quando estiver bem douradinha, coloque as fatias de linguiça pra fritar um pouco, e logo em seguida o alho

novo 06_0759

– Depois que estiver bem fritinho, coloque os tomates picados e o suco dos tomates, que ficou na lata.

novo 06_0763

– Tempere com sal e pimenta do reino moída na hora.

novo 06_0768

– Deixe cozinhar por 2 ou 3 minutos, e em seguida acrescente uma colher de sopa de mostarda dijon

novo 06_0769

– E uma colher de sopa de Ketchup de boa qualidade

novo 06_0770

– Acrescente os ramos de alecrim (misture-os bem no molho)

novo 06_0772

– Deixe cozinhar por 5 minutos em fogo baixo, com a panela semi-tampada.

– Retire os ramos de alecrim (eles vão soltar algumas folhinhas, pode deixá-las no molho).

– Prove e acerte o sal e a pimenta.

– E está pronto seu cachorro quente gourmet!!!

novo 06_0791

Agora, esse cachorro quente fica bom mesmo com um pão d’água, francês, cervejinha, esses pães bem comuns de padaria, com a casca crocante e o miolo macio. Ele perde um pouco a graça com aquele pão de cachorro quente tradicional, que é todo macio.

Eu sempre compro pão francês ou pão cervejinha pra acompanhá-lo

novo 06_0789

E ele também pede uma boa maionese pra passar no pão antes de colocar o molho.

Nesse dia eu resolvi fazer maionese caseira, e ficou absurdamente bom, então vou passar a receita, mas com algumas observações:

Atenção, por favor!

– Minha maionese é de ovos crus, é preciso ter muito cuidado na escolha dos ovos, eles devem ser bem frescos, não ter quebradinhos, devem ter sido armazenados na geladeira e devem ser lavados antes de usados.

– A maionese deve ser armazenada em geladeira e por pouco tempo (eu guardo no máximo umas 6 horas), e depois descartada.

– Eu não dou maionese de ovos crus aos meus filhos, nem a nenhuma outra criança, e também não comia enquanto estava grávida. Também não serviria maionese de ovos crus em uma festa. É preciso saber que há risco de contaminação por salmonela quando comemos ovos crus ou mal passados, ok?

Dito isso, eu adoro maionese feita em casa, e nesse dia eu resolvi dar um pouco mais de sabor acrescentando alecrim e alho.

novo 06_0774

– Quebre os ovos (usei dois, mas foi demais, poderia ter feito um só) com cuidado e coloque-os no liquidificador.

– Descasque um dente de alho.

– Lave muito bem um ramo de alecrim e separe só as folhinhas.

– Tenha em mãos azeite (eu prefiro de girassol), sal e mostarda preta.

– Ligue o liquidificador na potência mais alta, e comece a derramar pelo buraquinho da tampa o azeite, num fio médio e constante.

– Com a outra mão, acrescente a mostarda preta, algo em torno de duas colheres de chá, enquanto isso continue derramando o azeite num fio contínuo.

– Jogue o dente de alho e as folhinhas de alecrim no liquidificador e continue derramando o azeite.

– Quando o redemoinho do liquidificador começar a sumir no meio do creme, é hora de prestar atenção, quando formar uma pequena bolha que estoura bem no centro do creme é hora de parar de derramar o azeite.

– Desligue o liquidificador e tempere com sal, mexendo com uma colher.

– Leve para a geladeira e só tire na hora de comer.

novo 06_0780

Essa combinação do cachorro quente com o gostinho da calabresa, do dijon e do alecrim, mais o pão e a maionese é muito saborosa.

novo 06_0788

E é um prato super simples e rápido de fazer, né?

Então quem testar minha receita vem me contar o que achou, combinado?

Volto logo com os outros posts prometidos.

Lahna :)