pranchetas para o quarto da alice – com tutorial

Comentários 26 Padrão

Minha afilhada Alice completou quinze anos, e eu resolvi fazer uma surpresa pra ela. :)

A Alice adora ler, adora música e adora cinema. E ainda por cima tem um gosto muito bom pra livros, bandas e filmes.

E a Alice também ama arte e estuda ilustração nas horas vagas. E é uma garota muito, muito bacana, que está até me dando umas dicas de como usar o Snapchat (um minuto de silêncio para minha juventude, porque acabou de cair minha ficha que sou uma tia que pede ajuda para assuntos tecnológicos…).

E eu tinha ido uns dias antes almoçar por lá e reparei que a parede atrás da cama da Alice estava precisando de uma intervenção da madrinha aqui.

pranchetas 381

Então veio a ideia de usar as pranchetas revestidas com tecido, que já vi em várias fotos bacanas pelos blogs afora, pra que ela pudesse sempre mudar o conteúdo de acordo com o que estivesse gostando em cada momento.

Pra começar, escrevi pra ela pedindo uma lista dos seus três filmes, músicas e livros preferidos. Acho que foi uma missão difícil, mas eu disse que não era pra pensar muito, era pra falar os primeiros que viessem à cabeça.

Aí saí à caça das pranchetas. E gente, como foi difícil achar… as pranchetas de hoje em dia tem o clip preso com rebites, como eu ia tirar e colocar o clipe de volta? Fui em cinco papelarias até encontrar um modelo que servia.

Fucei minha coleção de retalhos de tecidos e escolhi uma composição de nove estampas que achei que ficavam legais juntas, e que combinavam com as cores de spray que eu tinha em casa.

Ah, e detalhe importante, liguei pra mãe da Alice e perguntei se podia furar a parede da menina inteira, né? E já aproveitei pra combinar como ia fazer pra que fosse uma surpresa.

Eu segui este tutorial do blog Gavetamix mas fui um pouquinho mais além, pintando os clipes e acrescentando um grelozinho na base (que foi uma ideia que surgiu por acaso, quando fui guardar alguns materiais e vi que as cores de grelô que eu tinha no armário casavam certinho com o projeto!).

Fotografei passo a passo o que fiz, olha só:

pranchetas 11

Soltei as garrinhas que prendem o clipe atrás da prancheta.
pranchetas 21 Primeiro com uma faquinha, pra levantar.pranchetas 31 Depois com a alicate, pra deixar ele bem retinho.pranchetas 41 pranchetas 51 Cortei o tecido, deixando uma margem.pranchetas 61 Espalhei cola branca comum.pranchetas 71 Usei um pincel pra deixar a cola bem uniforme.pranchetas 81 Depois apliquei o tecido e alisei com a palma das mãos, pra tirar as bolhas e ruguinhas. Mesmo se o tecido estiver um pouco amassado, ele fica bem esticadinho com a cola.pranchetas 91 Cortei os cantinhos, ainda deixando uma margem, para facilitar no acabamento da curva.pranchetas 101 Passei cola nas extremidades do verso da prancheta.pranchetas 111 E colei, um lado de cada vez, com cuidado.pranchetas 121 Dando atenção especial aos cantos.pranchetas 141pranchetas 131 Depois passei mais uma camada de cola sobre o tecido, pra que aderisse bem à prancheta.pranchetas 151 Com reforço nos cantinhos.pranchetas 161 Cortei o grelô na medida da largura da prancheta (não pode ficar esticado), e colei com essa cola de secagem rápida e bem grudenta, mas acredito que a cola branca também funcione direitinho.pranchetas 211E depois disso deixei secar até o dia seguinte.
pranchetas 221Enquanto isso eu pintei os clipes com tinta spray, e também deixei secar até o dia seguinte.pranchetas 171Depois de tudo seco, usando um estilete, fiz os furinhos no tecido para encaixar o clipe.pranchetas 181pranchetas 191Escolhi qual cor ia usar par qual tecido.
pranchetas 231 Encaixei o clipe e com a alicate virei as asinhas dele para o lado de fora, o contrário do que estavam antes.pranchetas 241 Coloquei uma base (um pedacinho de madeira pequeno), protegida com feltro, pra não riscar a tinta, e martelei a asinha até ficar bem rente à prancheta de novo.pranchetas 251 Ficou assim:pranchetas 261 E atrás ficou assim:pranchetas 271 Cortei o feltro e arredondei as pontas.pranchetas 281 Quando deitei a prancheta de costas, pra colar o feltro, protegi o clipe com outro pedaço de feltro pra não riscar.

Espalhei a cola branca novamente com pincel.pranchetas 291 Colei o feltro e reforcei os cantinhos com mais cola por baixo.pranchetas 301 E o acabamento de trás ficou assim:pranchetas 311 A prancheta prontinha:pranchetas 321 Grelô sempre deixa tudo mais feliz. :)pranchetas 331 Usei três cores de tinta/grelô: rosa, vermelho e azul.pranchetas 341 pranchetas 351 E aqui todas as nove pranchetas da Alice, juntinhas:pranchetas 361 Eu adorei! :)pranchetas 371

Então procurei na web referências legais sobre os filmes, livros e músicas que ela colocou na lista dos top 3. Achei algumas coisas bem legais, principalmente em tumblrs. E também dei uma fuçada no Facebook dela pra ver o que ela tinha curtido nos últimos tempos. Fiz uma seleção e imprimi em gráfica digital.

Chegou o dia do aniversário, e combinei com minha irmã que ia montar tudo enquanto ela estivesse na escola. Então fui de manhã, com a crianças, porque era o horário que sabia que ela não estaria em casa.

Fiz tudo muito rápido. Medi, marquei, bati os preguinhos e pendurei as pranchetas. E ficou assim:

pranchetas 391 pranchetas 401

Aí selecionei na hora algumas das coisas que eu tinha mandado imprimir, e pendurei nos clipes:

pranchetas 441 pranchetas 461 pranchetas 471

Essa foi a única que eu mesma fiz, porque não achei nenhuma imagem legal sobre este livro, que ela tanto ama.pranchetas 481 pranchetas 491 pranchetas 511 pranchetas 521

E bem, eu fiz mais algumas coisinhas no quarto também. :)

Eu me encantei com o lindo projeto da Com Lola, que através da arteterapia proporciona à crianças em situação de vulnerabilidade social uma oportunidade de ressignificar sua vida, transformar sua história.

Funciona assim: a cada produto que você compra na lojinha deles, uma boneca é doada para uma das ações sociais da empresa. Nessas ações, as crianças ouvem uma história e são convidadas a pintar cada um, uma boneca. Enquanto pinta, a criança coloca suas emoções nos traços, quase como que um desabafo colorido de seus obstáculos, de suas dificuldades.

Depois, a criança pode ficar com sua boneca, que se torna praticamente uma confidente, uma companheira, alguém que ficou com uma parte da dor para si. Uma cura, uma nova chance para a infância.

Enfim, um projeto bonito, que tem muitas histórias lindas já, em tão pouco tempo de atuação. Quando me deparei com essa ideia me senti profundamente inspirada. E comprei um gnomo para o quarto da Alice. :)

pranchetas 571 Junto com os bonecos (comprei um pro quarto do filhote também), as queridas da Com Lola enviaram duas folhinhas de suculenta, com as instruções para plantá-las e permitir que se regenerem.

Eu as deixei para a Alice, junto com todas as outras coisas legais que imprimi pra ela colocar nas pranchetas, quando quiser mudar.pranchetas 421

Além disso, peguei três espelhos da Urban Outfitters que eu tinha guardados há alguns anos, esperando um projeto legal, e coloquei também na parede.pranchetas 451 pranchetas 531 Aproveitei e colei algumas das fotos instantâneas que estavam no quarto. :)pranchetas 541 pranchetas 551 pranchetas 561 Peguei as bandeirinhas de papel do Quarto Lindo Lindo, que eu tinha guardado pra usar em algum projeto que eu quisesse deixar bem colorido, e coloquei em cima das prateleiras da Alice. :)pranchetas 591E pra finalizar, fiz rapidinho umas bandeirinhas de washi tape, e coloquei no espelho dela junto com dois post its e uma foto que tiramos com a câmera instantânea dela, quando estava tudo pronto. :)pranchetas 581Deixamos tudo arrumadinho e fomos embora.

Eu nem conto a ansiedade que eu fiquei até ela chegar em casa e me ligar.

Imagina só se ela não gostasse.. eu fiz, nada mais, nada menos que nove furos na parede atrás da cama! Já estava até imaginando eu tendo que ligar pra um pintor, pedindo pra ele ir lá consertar tudo.

Mas ela gostou! Muito! E eu fiquei muito feliz também, com o resultado e por ter conseguido presentear ela com algo bem diferente, uma mini makeover do quarto! :)

Essa ideia das pranchetas é um jeito bem legal de decorar, especialmente para quem enjoa rápido das coisas, já que dá essa possibilidade de mudar sempre que der vontade. Não é algo tão definitivo (nem tão caro) quanto quadros em molduras.

Então, que tal dar uma repaginada em alguma parede por aí? É um DIY bem bacana de fazer, eu me diverti muito!

Uma ótima semana pra você, cheia de inspiração!

Lahna :)

a história da páscoa

Comentários 18 Padrão

Recebi um e-mail querido, de uma moça chamada Juliana.

Ela me escreveu sobre um vídeo que fez com um grupo de amigos, chamado Voa Flor,  narrado e encenado por crianças, contando a história da Páscoa.

Fiquei curiosa, fui assistir e me emocionei.

Na minha casa, a Páscoa sempre foi tão comemorada quanto o Natal, e, assim como a história do nascimento, a ressurreição de Jesus, seu amor infinito por todas as pessoas e a nossa salvação foram histórias que fizeram parte da nossa infância e da nossa vida também.

Ano passado nessa mesma época eu fui tentar contar a história da Páscoa para minha filha, mas me atrapalhei toda, com muito medo de falar sobre os homens maus que aprisionaram, machucaram e mataram Jesus, e de todo o sofrimento que ele viveu por nós.  Acabei contando a história meio que pela metade, omitindo algumas coisas por não saber como falar.

Este ano, que ela tem mais compreensão, eu estava justamente pensando em como contaria a história, e aí me deparo com este vídeo simples, bonito, que vai direto ao ponto e que mostra que o amor de Deus é tão maravilhoso que mesmo com todo o sofrimento, todos ficaram muito felizes no final.

Então, eu vou mostrar pros meus filhos, e como a Juliana me pediu, vou espalhar esta semente aqui no blog, pra que outras mães e pais possam compartilhar a história do Filho de Deus com seus filhos também.

Afinal, uma história real tão linda e tão cheia de amor merece ser lembrada sempre, fazer parte das nossas vidas e das nossas famílias e ter um lugar especial em meio a todas as outras histórias bonitas que nós contamos aos nossos filhos.

A grande lição de Jesus é amor, e não há maior ou melhor lição para ensinarmos aos nossos pequenos.

Obrigada Juliana!

:)